Saúde em dia: 4 grupos de alimentos para reforçar a imunidade que você nem imaginava

5 minutos para ler

Quer saber como reduzir os sintomas daquela gripe ou daquela dor de garganta que te ataca todo inverno? Ou que tal evitar a dor de barriga quando você come uma comida meio esquisita? Pois é, o seu sistema imunológico tem esse poder e você pode ajudá-lo nessa missão com as suas escolhas alimentares!

No artigo de hoje, listamos alguns grupos de alimentos que vão te ajudar a construir um verdadeiro exército de defesa da sua saúde. Acompanhe!

Por que se preocupar com a sua imunidade?

O seu sistema imunológico funciona como um exército de defesa do seu corpo contra invasores ou reações indesejadas, como bactérias, parasitas, células com mutações indevidas ou radicais livres, por exemplo. Isso você provavelmente já sabia, certo?

Pois é, mas o que você provavelmente ainda não sabia é que quanto mais fortalecido o seu sistema imunológico está, maior é a sua capacidade de impedir que você adoeça, permitir que você se recupere mais rápido caso fique doente ou ainda produzir uma resposta imunológica para que você seja menos afetado pelos sintomas do adoecimento.

Ou seja, é ele que faz a diferença entre você se sentir dolorido e cansado durante uma gripe ou sentir apenas um pouco de congestionamento nasal.

Em última análise, o seu sistema imunológico é responsável por minimizar os riscos à sua saúde ou garantir que você se sinta da melhor forma possível enquanto ela está sendo afetada.

Alimentos que estimulam a imunidade

A boa notícia aqui é que o seu sistema imunológico pode – e deve! – ser reforçado com uma alimentação que inclua alguns alimentos básicos. Vamos conhecer alguns deles?

Alimentos antioxidantes

E já que falamos em antioxidantes, é importante saber que não é apenas a vitamina C que desenvolve esse papel dentro do nosso corpo: existe uma série de alimentos com essas propriedades!

Como explicamos, os antioxidantes são alimentos que impedem que as nossas células envelheçam e liberem radicais livres. Os radicais livres são moléculas que, uma vez liberadas no nosso corpo, geram reações em cadeia que podem danificar outras células e gerar doenças sérias, como o câncer ou patologias degenerativas.

Por isso, quanto mais alimentos antioxidantes pudermos adicionar à nossa dieta, melhor para a sua saúde no presente e no futuro. Entre diversas possibilidades de alimentos ricos em antioxidantes estão a cenoura, o espinafre, os cogumelos, a batata doce, a beterraba, a maçã e o mamão.

Alimentos que sejam fonte de Ômega-3

O ômega-3 é um tipo de gordura que é uma grande aliada da nossa imunidade pela sua forte ação anti-inflamatória. Basicamente, o que ele faz é modificar a composição da camada lipídica que envolve as nossas células, de forma que elas se tornem menos sujeitas a inflamações.

Complicou? Calma que a gente facilita: o resultado disso é que o ômega-3 ajuda o nosso corpo a prevenir diversas doenças, como problemas cardiovasculares ou doenças auto-imunes.

Entre os alimentos ricos nessa substância estão os peixes como a sardinha, o salmão, o cação e o atum, as sementes de linhaça, o abacate, as castanhas e nozes, além do azeite de oliva. 

Probióticos

Os probióticos são bactérias boas, que vivem naturalmente no nosso intestino. Elas são responsáveis por facilitar a nossa digestão, melhorar a absorção dos nutrientes, descartar o que não é saudável para nós e fortalecer as nossas respostas imunológicas contra doenças.

Para fortalecer essa flora intestinal, aposte em alimentos fermentados, como os iogurtes, o Yakult, o leite kefir e os chás do tipo kombucha.

Alimentos com Zinco

O mais importante entre os minerais para o nosso sistema imunológico, o zinco participa do processo de cópia do DNA celular, que acontece toda vez que uma célula tenta se multiplicar.

Portanto, para que o nosso sistema imunológico consiga produzir cada vez mais glóbulos brancos (as suas armas de defesa), o zinco precisa ser encontrado no seu organismo. E, consequentemente, a falta desse mineral causa maior suscetibilidade a doenças, além de processos de cicatrização mais lentos e ineficazes.

O zinco pode ser encontrado em alimentos como carnes, frutos do mar, grãos integrais, castanhas e amendoim, além de nos ovos.

Gostou da ideia de dar uma reforçada na sua saúde através da alimentação? Então, experimente as videoconsultas com nutricionistas que o HAND oferece! Por apenas R$70, você conversa sobre os seus hábitos alimentares e desenvolve um plano de refeições que faça sentido para a sua rotina no conforto da sua casa, sem perder tempo com o deslocamento e nem se expôr ao coronavírus. Nada mal, não é?

Além disso, você também desfruta de descontos em vitaminas e outros complementos alimentares com os preços especiais que o HAND oferece em mais de 16 mil farmácias pelo Brasil!

Baixe o nosso app na sua loja de aplicativos, escolha um plano a partir de só R$14,90 e garanta essas e várias outras vantagens para economizar dinheiro no seu dia a dia, cuidar da sua casa e garantir o futuro da sua família!

Posts relacionados

Deixe um comentário