telemedicina no brasil telemedicina no brasil

O que você deve saber sobre telemedicina e os benefícios da consulta online

7 minutos para ler

Quer marcar uma consulta, mas não pode sair de casa? Saiba que atualmente é possível contatar um médico online e realizar o atendimento a distância. Nesse sentido, a inovação na área da saúde está relacionada de forma direta com a implementação da telemedicina no Brasil.

De fato, essa é uma das maiores tendências do setor, e a expectativa é de que essa tecnologia ganhe cada vez mais espaço dentro de clínicas, consultórios e hospitais. Diante desse cenário promissor, os estabelecimentos de saúde que querem se destacar no mercado devem começar a investir nesse sistema o quanto antes.

Neste post, você vai conhecer as principais questões sobre a telemedicina no Brasil. Continue a leitura e saiba como você pode se consultar com um médico online, como funciona a regulamentação desse sistema e os benefícios dessa tecnologia!

O que é telemedicina?

A telemedicina é uma especialidade da telessaúde e é regulamentada pela Resolução CFM nº 1643/2002. Ela envolve todo tipo de atendimento online de saúde a distância, por meio do uso de ferramentas de comunicação inovadoras, e conta com o auxílio das TICs (Tecnologias da Informação e Comunicação).

Nesse sentido, se trata do exercício da medicina que promove a interpretação de exames, a emissão de laudos médicos, a assistência aos pacientes, a pesquisa e a prevenção de doenças e lesões. Tudo isso acontece por meio de ferramentas automatizadas e metodologias interativas de comunicação audiovisual e de troca de dados.

A telemedicina inclui a videoconsulta. Trata-se de um serviço de atendimento médico de pacientes feito por meio de vídeo e de modo remoto, ou seja, o médico se encontra distante do paciente. É um canal bastante utilizado para orientar paciente no que se refere aos diagnósticos de COVID-19. Além disso, também se tornou possível a consulta online por telefone.

Da mesma forma, se torna viável realizar a “teleinterconsulta”. Trata-se de um procedimento que conta com a participação de vários médicos e proporciona a discussão de casos e a troca de opiniões sobre diagnósticos mais complexos dos pacientes. Isso é possível por meio do uso de softwares específicos para o atendimento.

Como se dá a consulta online por telefone?

Como a telemedicina está sendo aplicada?

Em meio ao momento atual de pandemia causada pela COVID-19 e à necessidade de distanciamento social decretada pelo governo, a telemedicina ganhou a sua regulamentação. A ideia era promover as ações de prevenção e combate à doença, diminuindo a circulação de pessoas e reduzindo assim o risco de exposição ao vírus.

Nesse sentido, o Conselho Federal de Medicina reconheceu o uso de serviços ligados à telemedicina de modo excepcional. Da mesma forma, o Ministério da Saúde publicou uma portaria dispondo sobre o atendimento médico que poderá ser realizado online. A telemedicina poderá ser aplicada para os atendimentos realizados pelo SUS e para a rede de saúde privada.

De um modo geral, os médicos e profissionais de saúde estarão autorizados a efetuar telediagnósticos, teleconsultas, assistências e monitoramento de seus pacientes por meio da internet. Além disso, é prevista a teleinterconsulta — reunião para a troca de informações realizada entre os médicos.

Também é importante mencionar que todas as especialidades médicas poderão se beneficiar com o uso da telemedicina. Isso significa que o atendimento não envolve apenas as consultas online e o tratamento de casos confirmados ou suspeitos de coronavírus. É importante que o médico anote tudo em um prontuário a fim de que as informações fiquem registradas — registro do profissional, data e horário da consulta, procedimento realizado etc.

Quais são os benefícios da telemedicina para o combate à Covid-19?

A telemedicina surgiu como uma estratégia para dar mais suporte aos pacientes e informar a população sobre a nova pandemia, com o objetivo de conter os casos de transmissão da doença.

Afinal, se você estiver com algum sintoma suspeito, não precisará comparecer ao posto de saúde ou hospital para ser examinado pelo médico. Basta recorrer à tecnologia da telemedicina. Nesse sentido, a teleconsulta é uma forma de você se informar sobre os modos de prevenção, aumento da imunidade e dicas de saúde para você se proteger e evitar se contaminar.

No entanto, o exame ainda deve ser realizado de forma presencial, por meio da coleta de material humano presente nas vias respiratórias. Da mesma forma, se for infectado, você terá todo o apoio para iniciar e prosseguir com um tratamento de qualidade.

A telemedicina apresenta uma série de vantagens, como praticidade, conforto, segurança, acesso a especialistas, bom relacionamento e comunicação eficiente. Além disso, esse novo modelo tecnológico também proporciona economia de recursos para os estabelecimentos de saúde, pois ao atender os pacientes de forma remota, as despesas com a manutenção da infraestrutura da clínica ou consultório são reduzidas.

Como a telemedicina vem sendo utilizada?

A telemedicina inclui vários serviços, como o atendimento pré-clínico, suporte assistencial, consulta, monitoramento e diagnóstico de pacientes. Os atendimentos estão autorizados para serem feitos pelo SUS e pela saúde suplementar e privada.

Todo atendimento deve ser registrado em um prontuário clínico especial, que deve conter informações específicas, como a data, hora, anamnese do paciente, procedimento realizado e tecnologia usada no atendimento.

O Ministério da Saúde autoriza aos médicos a prescrição de medicamentos com receitas e a emissão de atestados eletrônicos por meio da teleconsulta. Para ganharem validade, esses documentos necessitam da assinatura eletrônica do médico, fornecida por meio de certificado digital e chave, que são autenticados pela ICP-Brasil (Infraestrutura de Chaves Públicas Brasileira).

Depois, esse registro será armazenado e ficará protegido, podendo ser útil para o médico conhecer o quadro clínico precedente do paciente em consultas futuras.

Como o HAND é útil?

A consulta online é um serviço médico que pressupõe a necessidade de agendamento prévio. Nesse sentido, o HAND surge como uma excelente solução. O app é fácil e prático de ser utilizado e funciona 24 horas por dia, durante os 7 dias da semana.

O serviço do HAND de videoconsulta oferece uma vasta rede de clínicas credenciadas com uma equipe composta por médicos plantonistas, em clínica geral e pediatria, domiciliados no Brasil e devidamente registrados nos respectivos conselhos regionais de medicina de seus estados de atuação.

O serviço conta com um médico coordenador geral e outro coordenador da especialidade pediátrica, de modo que toda a equipe esteja assistida por médicos especialistas. E o melhor de tudo é que os preços são acessíveis para todos.

A telemedicina no Brasil traz muitos recursos e vantagens, tanto para os pacientes quanto para os médicos. Trata-se de uma tendência que vem revolucionando o atendimento médico no país em virtude da qualidade do serviço, praticidade e possibilidade de assistência, educação e pesquisa a distância.

Quer ter um atendimento médico de qualidade sem ter que sair de casa? Então, acesse a página do HAND e assine seu plano para solicitar uma consulta online no conforto da sua casa, com toda a segurança, e praticidade!

Posts relacionados

2 thoughts on “O que você deve saber sobre telemedicina e os benefícios da consulta online

Deixe um comentário